Atletas da Havan, Matheus Rheine e Ymanitu Silva, estreiam nos Jogos de Tóquio

Os Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020 iniciaram nesta semana e os atletas Matheus Rheine e Ymanitu Silva são as apostas da Havan na competição. O nadador Matheus faz a sua estreita nesta quarta-feira, 25, quando participa da prova de 400m livre, às 21h55, pelo horário de Brasília. Já o tenista Many entra em quadra na sexta-feira, 27, em horário a ser definido.

Nas redes sociais da Havan e do empresário Luciano Hang está circulando um material especial sobre a trajetória dos atletas. Nos vídeos são evidenciados o quanto eles precisaram se superar para se tornarem atletas olímpicos, ressaltando que eles são especiais não por suas deficiências e sim, por irem além e se tornarem exemplos de determinação, foco e disciplina na busca pelos resultados.

O dono da Havan, Luciano Hang, fala do orgulho em acompanhar e patrocinar os atletas: “Patrocinar é acreditar. Nós acreditamos e admiramos o Matheus e o Many. Tenho muita alegria em ver o nome da Havan e do Brasil sendo representado por eles. É um grande orgulho acompanhar a trajetória e evolução desses atletas. Tenho certeza que eles estão prontos para representar o país em um dos maiores eventos esportivos do mundo. Eu, a família Havan e os brasileiros estamos na torcida por eles”, ressalta, ao lembrar que antes deles partirem em viagem, foi preparado um evento especial no administrativo da Havan para desejar uma boa viagem aos atletas.

Os atletas

Matheus Rheine é brusquense e perdeu a visão nos primeiros dias de vida. Considerado uma das estrelas da natação paralímpica brasileira, o nadador é patrocinado pela Havan há 12 anos. Está é a sua terceira participação em Paralimpíadas, depois de Londres 2012 e Rio 2016, onde conquistou a medalha de bronze. Nesta edição, ele compete na categoria na classe S11 (atletas cegos).

O tenista Ymanitu Silva, o Many, sofreu um acidente de carro em 2007 e ficou tetraplégico. Ele já jogava tênis e o acidente não o impediu de seguir no esporte. Natural de Tijucas, ele carrega o nome da Havan desde 2018. Atualmente, Many é o 10º do mundo do ranking da categoria Quad do Tênis em cadeira de rodas. Além de dezenas títulos, ele escreveu o seu nome na história como primeiro brasileiro a disputar um torneio Grand Slam, de Roland Garros.

 

Veja o vídeo sobre Matheus Rheine: https://www.instagram.com/p/CTAbFuxLlnK/ 

 

Veja o vídeo sobre Ymanitu: https://www.instagram.com/p/CSxaAOmLhiI/